Páginas

domingo, 21 de março de 2010

Na chuva

"There I was, standing there in the church, and for the first time in my whole life I realised I totally and utterly loved one person. And it wasn't the person next to me in the veil. It's the person standing opposite me now... in the rain."


4 comentários:

  1. Essa foto está um mimo, miam miam. O que mais gosto nesse actor é o sotaque e o ar de menino perdido que ele põe antes de dizer aquelas coisas todas que gostamos de ouvir :-)

    ResponderEliminar
  2. E acredita, ao ver este filme, quem me dera ter tido a coragem, essa coragem absoluta mas de certo, que teria empreendido contra tudo e contra todos e o tempo não estava a meu favor. E aliás, neste assunto, nunca esteve, por isso mesmo, acabou por acabar!
    Este filme é daqueles que revejo como se fosse a primeira vez! Adoro-o!
    Beijocas nossas ;)

    ResponderEliminar
  3. Xiii, apercebo-me agora (o quanto) que este post entronca com o teu comentário num outro post ;-)
    Mas a vida é irónica e cheia de encruzilhadas.
    Este post simboliza aquilo que para mim há de mais romântico: Um beijo à chuva. Tenho (pelo menos) um outro post sobre esses beijos (In the rain)  Noutros fóruns já brincam comigo sobre isso.

    ResponderEliminar
  4. Quando li o outro post, ainda não tinha lido este, lembrei-me imediatamente deste filme primeiro e de outro a seguir, uma cena do "Amor Acontece"...porque a coragem de assumir um amor impossível por vezes nunca chega....e a mim, então, só a tive depois de me casar com a pessoa errada. Ainda tentei embarcar naquele amor, divorciando-me e esperando 3 longos anos para poder ser plenamente feliz mas tive de o deixar ir, ao amor! E encontrei outro, anos depois.
    Um beijo à chuva e romântico sim senhor...assim como dançar à chuva, na minha opinião!
    Beijocas nossas ;)

    ResponderEliminar