Páginas

sábado, 21 de janeiro de 2012

Love in


Um anjo deitou-se sobre o tapete de veludo negro;
Um inebriante perfume invadiu o meu corpo insano;
Cada nota vibrante, cada toque extasiante...
                                                                        Pára!...
(esquece)
Retomemos
       ao
         nosso
            ritual,
                docemente
                         profano.



3 comentários: